Como ser um Conector e fazer ainda mais negócios

Conectores conhecem muitas pessoas e possuem uma prática regular de introduzir suas conexões a outras pessoas.

Nos negócios, fazer apresentações é uma das melhores maneiras de construir uma rede profissional forte e ganhar muito.

Neste artigo forneço dicas e conselhos sobre como se tornar um conector melhor.

Por que você deve fazer apresentações?

1) Fazer apresentações é uma ótima maneira de ser útil para seus contatos. Ser útil e liderar com valor é uma maneira altamente eficaz de construir uma rede. Há muitas maneiras de ser útil, mas fazer apresentações é muitas vezes uma das melhores.

2) Todas as apresentações devem ser benéficas para ambas as partes. Se a introdução beneficiar ambas as partes, as duas partes ficam mais fortes. Quando duas partes em sua rede ficam mais fortes, sua rede fica mais forte e, portanto, você fica mais forte. Além disso, o aprimoramento de sua rede existente precisa ser equilibrado com a formação de novos relacionamentos.

3) De acordo com a lei da reciprocidade, em resposta a ações úteis, as pessoas se sentem mais inclinadas a ser úteis em troca. Ao fazer apresentações, você se posiciona positivamente para receber mais apresentações.

Por que as pessoas precisam ser introduzidas?

Você pode se surpreender com a frequência com que as pessoas que você pensa estarem conectadas, mas não estão. Abaixo estão três razões pelas quais as introduções precisam ser feitas:

1) Há muitas pessoas e empresas no mundo e, às vezes, as pessoas simplesmente não têm a perspicácia ou a paciência para saber que a pessoa a quem ela procura está lá. Às vezes, as pessoas precisam de ajuda para identificar outros com interesses comerciais compatíveis.

2) Às vezes as pessoas sabem que o outro existe, mas estão desconfortáveis em introduzir-se por conta própria. Fazer uma introdução ajuda a evitar o ato incômodo de falar sem conhecer.

3) As pessoas nem sempre têm o tempo que gostariam de fazer novas conexões.

Quando você deve apresentar duas pessoas?

Um bom conector está sempre à procura de oportunidades para fazer apresentações. Para isso eles procuram ter uma compreensão de um problema nos negócios que alguém está buscando resolver, e ou indivíduos que gostariam de encontrar. Pense estrategicamente e criativamente sobre quem pode ser uma conexão benéfica. Abaixo estão alguns cenários comuns onde uma conexão beneficiaria tudo:

1) Pessoas que compartilham interesses e se beneficiariam de referências comerciais, experiências e conhecimentos especializados. Por exemplo, dois empresários da mesma indústria ou com o mesmo modelo de distribuição (sem preocupações competitivas) podem ser ajudados uns aos outros.

2) Pessoas que possuem oferta / demanda complementar para um produto ou serviço. Por exemplo, se você conhece uma empresa que procura ajuda no desenvolvimento de produtos, apresente-os para uma agência de desenvolvimento que esteja buscando novos negócios.

3) Pessoas interessadas em conhecer os mesmos tipos de pessoas, mas não são competitivas entre si. Por exemplo, um advogado e um contador podem ter oportunidades de referência.

4) Uma empresa que está contratando um candidato qualificado ou um indivíduo buscando uma nova oportunidade naquela empresa.

5) Um investidor que esteja buscando oportunidades de investimento e uma empresa que esteja angariando fundos e atenda aos critérios do investidor.

Como você faz uma introdução por e-mail?

1) Certifique-se de confiar nas pessoas que está apresentando, pois isso afeta sua reputação. Se uma pessoa não se torna valiosa para o outro, ou age de forma inadequada, a outra pode estar menos inclinada a aceitar futuras apresentações suas.

2) Peça a ambas as partes se elas gostariam de receber a introdução antes de fazê-lo. Certifique-se de que você não está invadindo o tempo ou a privacidade de ninguém.

3) Quando perguntar separadamente a ambas as partes se elas aceitam, explique por que seria mutuamente benéfico a ambos. Compartilhe informações sobre as pessoas que estão sendo apresentadas, incluindo links para o site da empresa, perfil do LinkedIn e / ou outras páginas/docs relevantes.

4) Não pressione nenhuma das partes. Basta explicar por que você acha que pode ser benéfico, informando que eles não precisam aceitar e perguntar se eles gostariam que você faça a introdução.

5) Se ambas as pessoas optarem por serem introduzidas, envie um e-mail com ambas as pessoas copiadas brevemente re-declarando por que elas devem se conectar.

Não esqueça que uma apresentação presencial é MUITO mais eficaz que uma por email ou telefone!

O que você deve fazer depois de fazer uma introdução?

Acompanhe as duas pessoas aproximadamente um mês depois, para lembrá-los do valor que você adicionou, para garantir que ambas as partes tenham sido úteis umas com as outras e para se reconectar com seu contato se você não falou recentemente. Aqui está um exemplo de um e-mail muito breve e simples que você poderia enviar:

“Oi [nome],

Como foram as coisas com [pessoa que eu apresentei]? Espero que tenha ido bem!

Nos falamos em breve,

Raphael”

Conclusão

Os conectores são pessoas excelentes para se conhecer. Ser um conector pode ajudar sua carreira e negócios tremendamente. Eu recomendo ser tão proativo quanto possível sobre encontrar oportunidades para fazer apresentações mutuamente benéficas entre as pessoas em sua rede.

Depois de tentar me diga como foi e vamos nos conhecer também.

 

Raphael Saddy é um conector de negócios e pessoas com mais de 17 anos de experiência nas indústrias de Petróleo e Gás, Energia Renovável, Telecomunicações, Automobilística e em Consultoria Financeira. Tendo trabalhado em grandes empresas multinacionais como McKinsey, General Electric, Shell, Nokia e Audi, é formado em Engenharia Mecânica por duas universidades, no Brasil (UFF) e Alemanha (Uni Stuttgart). Possui MBA – Mestrado em Administração de Empresas em Finanças pelo Ibmec-RJ e é especialista em Estratégias Avançadas de Avaliação de Negócios por Opções Reais da PUC-Rio e Fusões e Aquisições da Insper-SP. Raphael já apoiou vários negócios durante sua carreira (alguns deles desde o startup) e desenvolveu muitos projetos com foco na melhoria do plano de negócios, redução de custos, benchmarking, avaliação de novas unidades / projetos e impulsionou o desempenho financeiro em cada empresa que passou, tendo recebido alguns prêmios e bolsas de estudos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s